Reprodução Rede Record 14581649244208

Um adolescente de 16 anos assassinou a própria mãe — que era deficiente visual — na última segunda-feira (14), na cidade de Jundiaí, interior de São Paulo. O suspeito confessou o crime e disse que desferiu mais de 20 golpes de facão no pescoço da vítima.

A polícia foi acionada para uma ocorrência de homicídio no bairro Caxambu. Chegando ao local, os agentes constataram a morte de uma mulher de 46 anos.

Ainda de acordo com a polícia, um dia antes do crime a família tinha se reunido para definir um possível tratamento para o jovem, que possuía problemas com drogas e psicológicos.

Segundo testemunhas, o rapaz teve um desentendimento com a família porque queria sair de casa para comprar drogas e foi quando houve o crime.

De acordo com um policial que atendeu a ocorrência, o adolescente não possui registro de agressão.