Assessoria 301c042c 0beb 430a 9e19 c5901e2ffe21

Em uma assembléia realizada na manhã desta segunda-feira (11), Profissionais da educação do município de Olivença, Sertão de Alagoas, deliberaram uma paralisação de advertência para a sexta (15) e segunda-feira (18). Os profissionais decidiram também realizar um ato público em frente a  câmara de vereadores na sexta-feira (15) às 9 horas da manhã em defesa do repasse de 60% dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF) para a classe.

A paralisação deve ocorrer devido os profissionais não terem a reinvidicação de reajuste de 5% aceita pela gestão municipal que se comprometeu em dar um reajuste de apenas 4%. Em maio, representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Educação de Alagoas (SINTEAL) haviam se reunido com o prefeito do município José Arnaldo (PSD) e a Secretária de Educação Walkíria Régia, na ocasião, o gestor havia lançado a proposta de reajuste de 4% na qual foi negada pelos membros do SINTEAL que lançaram a contra-proposta de 5%.

Com a negativa mais uma vez dada durante esta segunda(11), por parte da gestão municipal de Olivença, os profissionais da educação do município devem paralisar suas atividades a partir da próxima sexta-feira(15) e só devem retornar as atividades após um acordo de reajuste salarial.