CPT realiza Jejum da solidariedade em frente à Assembleia

  • 31/03/2009 08:56
  • Maceió
A Comissão Pastoral da Terra (CPT-AL) realiza nesta sexta-feira (03), a partir das 8h, o 10° Jejum de Solidariedade às pessoas que passam fome no mundo. O protesto pacífico refletirá sobre o tema “Sem terra não há pão; Sem pão não há justiça; Sem justiça não há paz”, e acontecerá em frente ao prédio da Assembleia Legislativa em Maceió.

A manifestação é realizada anualmente, sempre na sexta-feira anterior à Sexta-feira Santa, e conta com a adesão de pessoas de várias partes do mundo, destacando-se os países do Canadá e Itália. Em Alagoas é promovida por integrantes da CPT, essa é a segunda vez que acontece em frente ao prédio da ALE, em 2008 também protestou sobre o desvio de R$280 milhões e nesse ano se unirá aos inúmeros atos contra a corrupção e irregularidades na política alagoana.

Cerca de 40 pessoas, entre religiosos e leigos na capital e no sertão do Estado participarão da atividade. Na programação consta a leitura da Bíblia, cânticos e orações coordenadas por padres e religiosos, inclusive, terá a participação de um pastor evangélico, reforçando a importância do diálogo interreligioso.

Programação

08h00  Sem terra não há pão - Pe. Rogério
09h00  Cinzas e penitência -  Pe. Raul
10h00  Lava pés e missão  - Irmã Raimunda
11h00  Sem justiça não há paz - Pe. Fausto
12h00  Eucaristia e compromisso - Pe. Alex
13h00  Calvário e serviço - Irmã Teresa
14h00  Crucificação e martírio  - Irmã Cícera
15h00  Sem pão não há justiça - Pastor Wellington Santos
16h00  Ressurreição e libertação - Missionários do Campo
17h30 Celebração ecumênica: Sem justiça não há paz, com o Pastor Wellington e os padres Rogério, Fausto e Alex.
18h15  Partilha do pão com os meninos(as) de rua projeto Erê