78703784 9b58 4685 86d1 6b5133c5c0b7

Duas pessoas foram presas na tarde deste sábado, 24, em Delmiro Gouveia, durante uma operação deflagrada pela Divisão Especial de Investigação e Captura (Deic) e pelo Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (Tigre), em cumprimento aos mandados de prisão temporária e buscas expedidos pela justiça do município, em razão da morte, ocorrida no ano passado, do empresário Rodrigo Alapenha, genro do ex-prefeito de Delmiro, Lula Cabeleira.

Entre os presos, um soldado da polícia militar, lotado no 9º Batalhão da Polícia Militar de Alagoas, identificado como José Aritano Souza da Mata, o miitar estava atuando na Companhia de Operações Policias Especiais do Sertão (Copes-Caatinga). O nome da segunda pessoa presa não foi informado.

Caso 

O empresário Rodrigo Alapenha, genro do ex-prefeito de Delmiro Gouveia, Lula Cabeleira, foi morto no dia 11 de agosto de 2017. O empresário foi morto a tiros dentro do próprio carro em um trecho da Avenida Antônio José da Costa, na cidade do Sertão de Alagoas.

De acordo com informações de testemunhas, Rodrigo foi abordado pelos criminosos enquanto chegava em casa. O empresário foi alvo de vários disparos de arma de fogo e não teve chances de defesa, morrendo antes mesmo de receber socorro médico.