Giro 102 Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Na última terça-feira (08) o Quadro Momento Saúde exibido durante o programa Liberdade de Expressão na Rádio Milênio, Dr. Honório Luis e a Farmacêutica Suzana Ribeiro falaram sobre Resfriado.

O que é resfriado?
 
O resfriado é uma doença causada por vírus que afeta as vias respiratórias. Entre os sintomas mais comuns, estão tosse, espirros, coriza e congestão nasal. O tratamento consiste, basicamente, em repouso, ingestão de líquidos e boa alimentação.

De acordo com uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o resfriado é a maior causa de emissão de atestados médicos. Segundo o levantamento, feito em 2013, 17,8% dos afastamentos daquele ano foram causados por resfriados comuns.
 
Entre crianças e adolescentes de até 17 anos, esse percentual saltou para 39,6% dos afastamentos por atestado médico. Não é para menos: uma criança pode ter até 12 resfriados por ano, contra uma média de 2 a 4 em um adulto.

Além das crianças, outras vítimas fáceis para resfriados frequentes são fumantes, profissionais que têm contato direto com o público e pessoas com imunidade baixa e/ou deficiências no sistema imunológico.

Apesar dos sintomas incômodos, o resfriado não é considerado uma doença grave, e raramente gera complicações. A maior parte dos pacientes sequer precisa de medicamentos para se recuperar.

É provável que, em breve, possa existir uma cura absoluta para os resfriados. Pesquisadores da Universidade Edinburgh Napier, na Escócia, estão trabalhando em um tratamento que pode melhorar a resposta do sistema imunológico às infecções por rinovírus, um dos agentes causadores do resfriado.

Duração

A gripe é uma doença mais forte e grave que o resfriado comum, causada pela família de vírus Influenza. Por isso, geralmente dura mais tempo – enquanto o resfriado não costuma passar de 5 dias, a gripe pode incomodar por um período de 7 a 10 dias.

Complicações
As complicações de resfriado comum são raras e, quando acontecem, costumam atingir a região dos ouvidos e garganta. Já a gripe que não seja tratada adequadamente pode ter desdobramentos mais sérios, como pneumonia, por exemplo.

Transmissão


Os vírus responsáveis pelo resfriado entram no corpo através de três canais: olhos, nariz e boca.

A transmissão de resfriado acontece através de contato direto com os vírus que causam a doença. Esse processo pode ocorrer de algumas formas:

Transmissão de pessoa para pessoa
Você estará exposto ao vírus sempre que tiver um contato que envolva gotículas de saliva com uma pessoa resfriada.

Isso significa que existe a possibilidade de transmissão do vírus sempre que a pessoa resfriada tossir, espirrar, te beijar ou falar perto de você.

Transmissão através de objetos
 

Vírus relacionados ao resfriado podem sobreviver por minutos, horas ou até mesmo alguns poucos dias fora do corpo humano, dependendo da superfície em que estiverem.

Sempre que uma pessoa resfriada tosse ou espirra em algum objeto, ou coloca as mãos em determinado lugar depois de ter entrado em contato com a própria saliva, deixa material viral por ali.

Então, quando uma outra pessoa pega o objeto e em seguida leva as mãos aos olhos, nariz ou boca, sem lavá-las, pode ser contaminada pelo vírus.

Transmissão pelo ar

Os vírus que causam os resfriados também circulam pelo ar. Por isso é importante manter as janelas abertas, principalmente se houver alguém gripado em sua casa ou local de trabalho: se o vírus estiver circulando em um ambiente fechado, é maior a probabilidade de achar novos hospedeiros.