Internet Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

A atacante brasileira Marta foi escolhida nesta quinta-feira (12) como nova embaixadora da ONU Mulheres, cargo com o qual poderá trabalhar a favor da igualdade de gênero no mundo do esporte e em outros âmbitos da sociedade. Considerada por muitos como a melhor de todos os tempos, a alagoana natural do município de Dois Riachos, Sertão de Alagoas, é a maior artilheira da história do Mundial feminino de futebol e recebeu cinco vezes o prêmio de melhor jogadora do mundo.

Atacante do Orlando Pride já tinha colaborado com a ONU (Organização das Nações Unidas) como parte do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). "Marta é um modelo excepcional para as mulheres e as meninas de todo o mundo. Sua própria experiência de vida conta uma poderosa história do que pode ser conseguido com determinação e talento", destacou a diretora da ONU Mulheres, Phumzile Mlambo-Ngcuka.

"Esperamos trabalhar em estreita colaboração com Marta para levar o poder transformador do esporte a mais mulheres e meninas, para construir assim rapidamente a igualdade", completou. 

Em comunicado, Marta disse estar honrada por ter recebido o convite e se comprometeu a trabalhar para "garantir que mulheres e meninas de todo o mundo tenham as mesmas oportunidades que os homens e os meninos para desenvolver seu potencial".  "Hoje, no mundo todo, as mulheres estão provando que podem ter sucesso nos papéis e postos antes ocupados por homens", disse.