Ilustração Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) emitiu nota de pesar pela morte da filha de um policial civil que foi vítima de afogamento nesta quinta-feira (20) na piscina de uma residência, no Conjunto Henrique Equelman, parte alta de Maceió.

Marília Vieira Almeida Lima, 2 anos,  era filha do policial civil Carlos Henrique Almeida Lima. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, a família se preparava para participar de uma festa de confraternização quando a menina caiu na piscina e se afogou, sem que os pais percebessem.

A equipe dos Bombeiros tentou reanimar a menina por cerca de 1h, mas infelizmente ela não resistiu.

Conforme nota do Sindpol, o corpo de Marília Lima está sendo velada na Igreja Batista, no bairro do Farol. Não foram passadas informações sobre o sepultamento.

Leia abaixo a nota do Sindpol:

Nota de Falecimento

Sindpol informa com pesar o falecimento da filha do policial civil Carlos Henrique Almeida Lima

É com pesar que o Sindicato dos Policiais Civis de Alagoas (Sindpol) informa o falecimento de Marília Vieira Almeida Lima, de 2 anos, filha do policial civil Carlos Henrique Almeida Lima.

A menina faleceu na manhã desta quinta-feira (20), vítima de afogamento.

O velório da filhinha do companheiro policial civil será na Igreja Batista, a partir das 21h30, desta quinta-feira (20). A Igreja está localizada na rua ao lado da Pizzaria Mercato no Farol (indo pela Fernandes Lima essa rua é uma contramão, e o motorista fazer o contorno da quadra).

A diretoria do Sindpol está prestando apoio ao companheiro policial civil e manifesta solidariedade aos seus familiares, amigos e policiais civis.