Internet Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Canapi, Sertão de Alagoas

O Minuto Sertão recebeu informações de que um grupo de índividuos estaria usando o nome de um padre no Sertão de Alagoas para vender quadros. O fato estaria acontecendo no município de Canapi, o grupo seria de vendedores de quadros que estaria se aproveitando de pessoas abordando-as e oferecendo quadros religiosos usando o nome do sacerdote da comunidade, Pe. Márcio Cândido, pároco local, sem a permissão do mesmo.

Segundo informações, as pessoas que se negarem a comprar o artefato estariam sendo vítimas do grupo que estaria pedindo uma falsa contribuição para a paróquia local no valor de R$ 50 reais. Em um comunicado oficial que circula nas redes sociais, o Pe. Márcio, esclarece que não possui nenhum vínculo com o grupo. Veja abaixo a nota: