Os dispositivos de rastreadores estão se tornando cada vez mais comuns em empresas e também para o uso pessoal. Quer saber como escolher um aparelho de rastreador veicular? Continue lendo nosso conteúdo e confira.

Necessidades da frota

Cada empresa tem uma necessidade diferente, portanto, a escolha de um rastreador veicular deve atender aos anseios específicos de cada frota. Tendo em vista que cada tipo de rastreador de carro tem funcionalidades e tecnologias distintas, avalie o que você precisa: controle de velocidade, acompanhamento de trajeto, etc.
 

Atualização do posicionamento


A atualização do posicionamento do veículo nem sempre é feito em tempo real, mas o conhecimento sobre a localização precisa do veículo pode fazer falta no momento em que você mais necessitar.

Ao pesquisar sobre os equipamentos de rastreador veicular, apure quais os rastreadores apresentam tempo de resposta menor e quais modelos não armazena dados quando o veículo passa por uma área de cobertura da rede de telefonia.

Tecnologia a ser utilizada


Existem três tipos de tecnologia de comunicação de rastreadores: a radiofrequência, via rede de telefonia e por satélite.
 

Rastreadores por radiofrequência 

A tecnologia por radiofrequência funciona por meio de ondas eletromagnéticas que se comunicam com antenas de rádio comuns. Utilizando um micro chip os rastreadores por radiofrequência armazena informações de localizações com latitude e longitude.
 

Rastreadores por satélite

 

Os rastreadores por satélite utilizam o gps para rastrear carros. O rastreador envia sinais para os satélites que estão localizados na órbita da terra.

A abrangência e precisão dos rastreadores por satélite é muito grande. Para se ter uma ideia, os satélites responsáveis por receber os dados enviam dados para as centrais de monitoramento em uma velocidade de 300 mil km por segundo.
 

Rastreadores GSM

 

Essa tecnologia funciona a partir da frequência de ondas  criptografadas de telefonia celular via satélite. Na maioria das vezes, equipamentos como este, não são vinculados a uma empresa, portanto, o próprio motorista fica responsável pelo monitoramento e configuração.

 

 Devo optar por rastreadores escondidos ou expostos? 

 

Esse é mais um dos dilemas na hora da escolha de um rastreador. Para muitos, um rastreador automotivo exposto pode inibir roubos, para outros, os rastreadores escondidos pode ser uma técnica para proteção contra os bandidos.

Não existe um jeito melhor ou pior, mas é interessante que os rastreadores escondidos possuam longo tempo de duração de bateria e conexão com o sistema elétrico do veículo.

Por último, pesquise sobre a empresa que fornecerá o equipamento e o software para acompanhamento do veículo. Também é importante ler atentamente todas as cláusulas do contrato e tirar todas as dúvidas antes de fechar negócio.