Agência Alagoas Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

A pequena cidade de Olivença, no Sertão de Alagoas, não mais pacata, diante dos casos de violência nos quais vem sido registrados ao longo dos últimos dias no município sertanejo. A população tem sido alvo constante da onda de assaltos que vem ocorrendo quase que diariamente seja na zona rural como também na zona urbana.

De roubo de celulares a motocicletas, os casos tem sido quase que diários, necessitando de uma resposta e de ação por parte dos governantes. O último caso foi registrado nesta quarta-feira (22), um morador da zona rural do município que teve sua residência arrombada por criminosos armados que levaram dinheiro e sua motocicleta.

Um dia antes, na terça (21), um comerciante foi abordado por criminosos ao chegar em sua residência na cidade e teve dinheiro, celular e a chave de seu veículo, subtraídos.

No mesmo dia em que o comerciante foi vítima, um outro morador teve a sua motocicleta tomada de assalto em um povoado nas imediações da rodovia AL 125 que liga o município.

Os oliventinos encontram-se amedrontados diante da falta de segurança. Segundo informações, o governador Renan Filho (MDB) teria sido cobrado pelo ex-vereador do município Josimar Dionísio, para que pudesse fazer algo para resolver a problemática. Em resposta ao mesmo, o governador teria se comprometido a dentro de alguns dias realizar uma espécie de planejamento policial em Olivença. A população local aguarda ansiosa o reforço na segurança para finalmente assim ficar tranquila. Enquanto isso a preocupação dos moradores se intensifica a cada dia.