Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Servidores do Detran durante a última assembleia.

Servidores do Departamento Estadual de Transito de Alagoas (DETRAN) resolveram paralisar as atividades a partir da próxima quinta-feira (20). Os servidores já estão sem desenvolver as atividades nos dias de quarta-feira desde o mês de novembro.

A paralisação ocorre porque os servidores reivindicam ao governo do estado concurso público e equiparação salarial com a segurança pública. Uma assembleia foi realizada na última quinta-feira (13) na sede do órgão em Maceió onde a categoria decidiu paralisar as atividades. Além disso, foi decidido que serão realizadas assembleias quinzenais que irão começar a partir de março.

Segundo o presidente do Sindicato dos Servidores do Departamento de Trânsito de Alagoas (Sinsdal), Clayberson Torres, a categoria sofre com vários problemas. “Não tivemos reposição de inflação, previdência vem aí abocanhando boa parte dos nossos salários a partir de abril, bem como não pagamento de insalubridade, horas extras e alimentação em setores regidos em regime de plantão. Prédio da sede sem manutenção, não por culpa dos servidores, que até tentam, mas por culpa da autonomia que o órgão não possui mais. O segundo ente arrecadador do estado sem condições de colocar uma roldana num portão, luzes, qualquer um pode verificar a noite a escuridão, não por economia e sim por falta de lâmpadas.” Reclamou.

As atividades do Detran só voltarão ao normal mesmo no dia 27 de fevereiro, após o recesso de carnaval.

Em nota, o Detran comunica à população alagoana que foi informada pelo Sindicato dos Servidores do Detran de Alagoas (Sinsdal), da realização de uma paralisação de servidores do órgão nos próximos dias 19, 20 e 21 (quarta, quinta e sexta) deste mês.

A presidência do Detran/AL ressalta que a decisão em paralisar o serviço público é de inteira responsabilidade do sindicato da categoria e dos servidores do órgão. O departamento vem tomando as medidas judiciais e administrativas cabíveis e trabalhará para que os prejuízos ao cidadão sejam minimizados.

A direção da autarquia reforça, ainda, que os mais de 45 serviços disponibilizados on-line continuarão ativos mesmo em período de paralisação. Os usuários que possuem serviços agendados deverão ficar atentos ao calendário de reagendamento que será divulgado em breve, não havendo a cobrança de novas taxas.

Os candidatos ao exame teórico deverão comparecer ao local de prova agendado, que será realizado normalmente.

Em caso de dúvidas ou mais informações, os usuários poderão entrar em contato com a Central de Atendimento pelos números 0800 082 0154 ou 3315-1533 ou acessar o portal de serviços www.detran.al.gov.br, onde ele encontrará o passo a passo para realizar diversos procedimentos, além de tirar dúvidas e realizar a emissão de guias.