Google Internet Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Alunos da primeira turma de medicina do UNIT têm solicitado posicionamento oficial da faculdade quanto à colação antecipada devido à pandemia que vivemos e a instituição permanece calada.

Os alunos argumentam que já cumpriram a carga horária mínima de 7.200 horas exigida pelo MEC e que em decorrência da pandemia declarada pela Organização Mundial de Saúde causada pelo COVID-19 (coronavírus) que tem afetado significativamente a saúde, a ordem econômica e social de vários países, incluindo o Brasil, solicitam a antecipação da colação de grau e expedição do certificado de conclusão do curso de medicina, para que possam atuar no mercado e auxiliar no combate à pandemia, com urgência.

Tal fato já tem precedente. Algumas faculdades, como UNIFIP, UFC,UNIFOR, colaram grau dos seus alunos do último período antecipadamente, a fim de dar uma resolutividade perante a crise estabelecida nos últimos dias, podendo, assim, os novos médicos atuarem no combate da atual pandemia.