Carimbão é único crítico a decisão do Governo Federal

  • 30/03/2009 08:58
  • Geral
Dos políticos que compõem a bancada federal presente na reunião das AMA, apenas o deputado federal Givaldo Carimbão (PSB) foi duro com a decisão do governo federal na redução do FPM que prejudicou as prefeituras.

Carimbão disse “é um crime que está fazendo com as prefeituras e as comunidades, deixando os prefeito de cuía na mão” Ele disse que lá em Brasília estamos protestando e o presidente Lula tem de rever essa decisão. Já o deputado federal Benedito de Lira (PTB) disse que a bancada vai interferir em Brasília e o governo federal é quem vai dizer o que fará para aliviar a crise dos prefeitos.

O senador Renan Calheiros, líder do PMDB no Senado, também, pegou leve. Ele disse que o presidente Lula já parcelou como os prefeitos pediram o INSS e obviamente, “não irá criar impasse para a administração da prefeitura.