Cortesia - Correio 24 Horas Bahia Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Uma batida entre um micro-ônibus e uma carreta deixou diversas pessoas mortas na madrugada deste domingo (16), na BR-116, trecho próximo à cidade de Irajuba, na região do centro-sul do estado. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirma que nove pessoas morreram ainda no local do acidente. Mais três ficaram feridas e foram socorridas para o Hospital Prado Valadares, localizado na cidade de Jequié. Uma delas morreu, segundo a unidade de saúde, totalizando até o momento dez óbitos.

De acordo com a polícia, o micro-ônibus, de modelo van, saiu de Ribeirão Preto, em São Paulo, e transportava trabalhadores para a cidade de São José do Tapera, em Alagoas. O acidente aconteceu por volta das 4h, no km-594,5, perto de um local conhecido como "Curva da Garrafa".

A batida foi frontal, afirma a PRF, e o motorista da carreta não foi encontrado pela polícia até o momento. Por conta das marcas de freio na pista, a polícia investiga se a carreta, que seguia com sentido à região sul do país, invadiu a contramão. O Departamento de Polícia Técnica (DPT) foi acionado e fez a retirada dos corpos.

O setor de assistência social do hospital afirma que os dois feridos têm 21 e 24 anos - o primeiro sofreu ferimentos no rosto e passa bem; o segundo também possui quadro de saúde estável. Já o rapaz que morreu na unidade é natural de Ribeirão Preto e usava aliança. A esposa foi comunicada por telefone sobre a situação, segundo o hospital.

Tragédia

O acidente desta madrugada aconteceu a cerca de 11 km da batida de ônibus, caminhão e carreta ocorrida no dia 3 de dezembro de 2011 e que resultou na morte de 36 pessoas, além de 12 feridos. A maioria das vítimas era passageiro do ônibus e trabalhava no corte de cana. Elas tinham saído da cidade de Jateí, em Mato Grosso do Sul, para Pedra e Buíque, no Agreste de Pernambuco.