Reprodução/NBR Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true Dilma Rousseff e Eduardo Campos chegam à inauguração da adutora do Pajeú

 

 

A presidente Dilma Rousseff chegou ao Parque de Exposições Waldemar de Oliveira, no município de Serra Talhada (a 418 quilômetros do Recife, no Sertão pernambucano), onde cumpre agenda administrativa nesta segunda-feira (25). Antes, a presidente fez uma visita à estação de tratamento Cachoeira, que faz parte do Sistema Adutor Pajeú. O governador Eduardo Campos (PSB) e o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, estão ao lado de Dilma.

Agora, a presidente se prepara para a cerimônia de entrega do trecho Floresta-Serra Talhada, do Sistema Adutor Pajeú, e de 22 máquinas retroescavadeiras a municípios do estado.

A visita de Dilma a Pernambuco acontece em meio a um momento delicado da relação PSB - PT. Nas últimas semanas, o presidente socialista e provável candidato à presidência da República em 2014, Eduardo Campos, tem intensificado as críticas ao governo federal e os encontros com empresários e políticos.

No sábado (23), o governador participou de um tradicional almoço promovido pelo senador Jarbas Vasconcelos (PMDB), antigo desafeto e agora aliado, na praia do Janga, em Paulista, Região Metropolitana do Recife. O peemedebista, embora integrante de um partido da base de sustentação federal, é opositor declarado do governo Dilma. Uma semana antes, Campos já havia se encontrado em São Paulo com o ex-governador paulista José Serra (PSDB), que chegou a dizer dias depois que a candidatura do pernambucano seria "boa para o Brasil e para a política". O próprio socialista afirmou, durante compromisso público na sexta-feira (22), ter muitas afinidades com o tucano.

Inauguração

Serão inaugurados, pela presidente Dilma Rousseff, 118 km referentes à primeira etapa da adutora do Pajeú, que serão suficientes para abastecer as cidades de Floresta, Serra Talhada, Calumbi, Flores, Carnaíba e Afogados da Ingazeira, além do distrito de Canaã, em Triunfo. Todas as localidades ficam no Sertão pernambucano. Ainda restam 79 km para a conclusão dessa fase da obra, o que deve acontecer até o segundo semestre de 2013. No total, a adutora terá 598 km. Quando estiver 100% concluída, ela irá captar água do Rio São Francisco para atender cerca de 400 mil pessoas, em 21 cidades pernambucanas e oito paraibanas. O investimento é de R$ 547 milhões.