Técnico do ASA pede cuidado nas bolas paradas do CRB

  • Redação
  • 29/02/2012 05:29
  • Esporte
João Paulo Tenório
Heriberto da Cunha conversa com jogadores do ASA

O técnico Heriberto da Cunha finalizou nesta terça-feira os preparativos para enfrentar o CRB no primeiro jogo da final do primeiro turno do Campeonato Alagoano. Ao terminar o treino, o comandante concedeu entrevista à imprensa e falou do duelo desta quarta-feira contra o time da capital alagoana.

Heriberto informou que o time ainda não está definido, pois espera avaliação do lateral Augusto, que ainda é dúvida para a decisão. O técnico destacou a importância do confronto e alertou que é um jogo de 180 minutos, já que o regulamento não permite vantagem no saldo de gols.

“É um jogo decisivo. A gente não pode querer resolver o jogo em 90 minutos, pois o regulamento permite que o jogo seja em 180 minutos, e nós temos que jogar e buscar o resultado. Buscar o resultado positivo dentro de casa é muito importante. É importante fazer esse resultado, mas com equilíbrio, qualidade, e sem desespero”, completou.

O comandante, que estará em campo pela terceira vez, pediu atenção na bola parada do adversário, pois é uma das qualidades do CRB. “A bola parada, quando tem jogadores que coloca bem essa bola, é difícil. Mas nós trabalhamos, temos jogadores altos. Mas, bola parada tem que ter muita atenção. Então é tomar cuidado e ter o máximo de atenção”, concluiu Heriberto da Cunha.