Assessoria Alunos no ensaio

A Prefeitura de Piranhas vem saindo na frente mais uma vez com uma iniciativa que tanto contribui não apenas para cultura da população piranhense, como também para a cultura regional. Há dois anos foi fundado o Primeiro Conservatório de Música do Estado de Alagoas e o GMAP – Grupo Musical Armorial de Piranhas no município.

O GMAP possui uma banda de 36 músicos que, sob o comando do maestro Egildo Vieira, vem envaidecendo os cidadãos do município ao se apresentar e participar de concertos por todo o Estado e também fora dele. Além da banda, mais de 60 alunos aprendem a tocar instrumentos tradicionais como violão, trompete, bateria e variados tipos de pífanos que são fornecidos pela Prefeitura de Piranhas.

Os cursos oferecidos aos cidadãos no Conservatório são totalmente gratuitos e os alunos que mais se destacam recebem uma bolsa de R$ 350 mensais, porém eles devem cumprir horários e freqüentar regularmente não apenas as aulas no Conservatório como as escolas. Os mais aplicados se tornam monitores e passam a transmitir os ensinamentos do maestro Egildo Vieira.

O maestro é um das grandes personalidades do município de Piranhas. Egildo Vieira, que ministrava aulas na Universidade Pernambucana, agora abrilhanta os eventos oficiais piranhenses e envaidece a população em suas apresentações interestaduais. Mas a ideia do Conservatório surgiu há muitos anos como explica o maestro: `D. Pedro II se hospedou no prédio quando veio a Piranhas e sugeriu que se criasse um Conservatório de Musica no local’, relembra Egildo. Além de inspirar seus alunos com sua mente brilhante e inquieta, o maestro cria instrumentos inusitados por meio do fruto da cabaça que encantam ainda mais os espectadores.