Técnicos da Sesau prestam orientação sobre Saúde do Trabalhador

  • gilcacinara
  • 29/04/2009 17:11
  • Saúde

Técnicos do Centro de Referência da Saúde do Trabalhador (Cerest), órgão vinculado a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), estiveram durante a manhã desta quarta-feira (29), no Calçadão do Centro de Maceió, prestando esclarecimentos à população sobre como prevenir acidentes de trabalho. Na oportunidade, os trabalhadores também puderam medir a pressão arterial, graças à parceria firmada com os estudantes de da área de enfermagem da Universidade Federal de Alagoas (Ufal).

 

A iniciativa contou com a participação de técnicos da Superintendência Regional do Trabalho (STR) e do Instituto Nacional da Seguridade Social (INSS), que entregaram panfletos e folders explicativos aos trabalhadores. O intuito da ação foi informá-los sobre os direitos trabalhistas, salientando como eles devem proceder em casos de acidentes no ambiente de trabalho.

 

A atividade fez parte da programação da Campanha Saúde do Trabalhador, promovida pelo Cerest para marcar o Dia Mundial em Memória às Vitimas de Acidentes de Trabalho e Dia do Trabalho, comemorados, respectivamente, nos dias 28 de abril e 1º de maio. “Nosso intuito é prestar esclarecimentos à população, evidenciando seus direitos e quais os procedimentos devem ser adotados em casos de acidentes no ambiente de trabalho, já que dados do Sistema de Notificação de Agravos Compulsórios (SINANET) mostram que 2.800 trabalhadores morrem em 2008, no Brasil, em decorrência de acidentes de trabalho”, ressaltou a diretora do Cerest, Gardênia de Santana.

 

Alagoas – Em Alagoas, somente no ano passado, de acordo com o SINANET, 530 trabalhadores foram vítimas de acidentes biológicos, 1.894 de intoxicações enquanto trabalhavam e 253 sofreram acidentes graves, onde ocorreram mutilações. Por isso,   ainda de acordo com Gardênia de Santana, a importância de difundir informações aos trabalhadores, salientando os cuidados que se devem ter para evitar acidentes no ambiente de trabalho.