A Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (SEE) vai orientar e acompanhar as escolas das redes públicas estaduais e municipais na elaboração de um planejamento de ações para a melhoria da qualidade de ensino

As orientações sobre esta ação da secretaria foram repassadas em uma videoconferência do Ministério da Educação (MEC) sobre o Plano de Desenvolvimento da Escola (PDE), ferramenta que oferece apoio técnico e financeiro para que as unidades identifiquem suas dificuldades e planejem ações para a melhoria de resultados.

São pré-selecionadas com recursos do PDE as escolas que apresentam baixo desempenho no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), instrumento que mede a qualidade do ensino nas escolas brasileiras. No entanto, antes de receber os recursos em conta, as escolas precisam fazer um planejamento expondo quais ações empreenderão para solucionar as suas dificuldades e melhorar a qualidade da educação ofertada. Esse plano deve ser enviado ao MEC e será elaborado com orientação da SEE.

“Cada escola irá fazer um levantamento de suas dificuldades para compor o planejamento e a SEE irá auxiliar a formatar este trabalho, tanto da rede estadual quanto da municipal. O PDE é uma ferramenta estratégica para alavancar a educação, pois fortalece tanto a parte pedagógica quanto a área financeira da escola, dando condições para que o professor execute melhor o seu trabalho e a unidade alcance melhores indicadores educacionais”, avalia a coordenadora do PDE em Alagoas, Lenilda Martins.